+55 (11) 2374-1787 contato@loboassessoria.com.br

Eu Sou Lobo: Nilson Almeida

Post 1 Eu Sou Lobo
Post Series: Eu sou Lobo

#EUSOULOBO

Em Julho, conheceremos a história de nosso aluno NILSON ALMEIDA. Sinônimo de persistência, Nilson enfrenta as manhãs frias diariamente sem perder o ritmo e dá um show de motivação para nós e todos os outros alunos da Lobo.

ENFRENTANDO O INVERNO COM NILSON ALMEIDA

QUAIS MOTIVOS TE LEVARAM A TREINAR NESSE HORÁRIO?

Por falta de tempo livre e porque me adapto melhor ao horário da manhã. Quando comecei a treinar na Lobo, os primeiros treinos foram feitos à noite e eu ficava muito agitado, demorava muito para dormir. Descobri que o treino pela manhã me deixa mais disposto para as atividades do dia.

O QUE MUDA COM A CHEGADA DO INVERNO E A QUEDA NA TEMPERATURA? E SUAS PERCEPÇÕES / SENSAÇÕES COMO CORREDOR, O QUE VOCÊ SENTE?

Sinto que o rendimento cai um pouco e a necessidade de carboidrato é maior. Sou sensível a mudanças bruscas de temperatura e busco me manter aquecido, além de me prevenir contra resfriados e alergias. E há também uma outra mudança significativa: sinto falta da turma! Quando estou terminando o treino, a galera está iniciando. E o incentivo da equipe também é importante pra nos manter motivados durante o treino.

VOCÊ FAZ USO DE ROUPAS E ACESSÓRIOS ESPECÍFICOS DE INVERNO? PREFERE COLOCAR POUCA ROUPA E SENTIR FRIO NO INÍCIO DO TREINO OU COLOCAR BASTANTE ROUPA E CARREGA-LAS QUANDO O CORPO ESTIVER AQUECIDO? E O QUE VOCÊ FAZ AO ACABAR O TREINO?

Uso mais roupas, especialmente para proteger as extremidades do corpo (touca, luva). Quando a temperatura está abaixo de 15 graus utilizo calça comprida.

Prefiro colocar pouca roupa e sentir um pouco de frio no início e, conforme vai passando o treino, vai ficando mais confortável. Uma das preocupações que eu tomo é não retirar a blusa após o treino, mesmo que eu sinta calor. Vou para casa com a mesma roupa com a qual saí, tomo um banho imediatamente e me visto com roupas quentes.

SUA ALIMENTAÇÃO PRÉ TREINO MUDA COM RELAÇÃO A DIAS DE TEMPERATURA AMENA? ESSE AUMENTO DE INGESTÃO DE CARBOIDRATOS É POR SENSIBILIDADE PRÓPRIA OU ORIENTADA POR UM PROFISSIONAL DE NUTRIÇÃO?

Quando iniciei os treinos tive orientação de nutricionistas e hoje continuo obedecendo às mesmas instruções, tanto no que diz respeito à ingestão de complementos alimentares quanto no cuidado com a ingestão de alimentos muito calóricos.

FAZ USO DE TREINO EM ESTEIRA EM DIAS MUITO FRIOS OU NÃO TROCA A RUA POR NADA?

Detesto esteira! Prefiro correr debaixo de chuva do que enfrentar a esteira, mesmo nos dias mais frios.

SEU RENDIMENTO NO INVERNO MUDA? COMO VOCÊ PERCEBE ISSO?

Não diria que o rendimento muda, mas a disposição muda, sim. Nos dias mais quentes fico mais disposto a “forçar” mais o treino. No frio, fico um pouco mais lento, sinto que o treino exige um pouco mais de força de vontade.

O QUE TE MOTIVA AO ACORDAR E PERCEBER QUE ESTÁ FRIO PARA TREINAR? O QUE VOCÊ DIRIA PARA AQUELAS PESSOAS QUE AUTO SABOTAM SEUS TREINOS QUANDO ESTÁ FRIO PARA MOTIVA-LAS?

A primeira coisa é lembrar que, se você furar um dia, terá que recuperar o tempo perdido. Afinal, a meta não muda, ela continua a mesma. Por isso, é preciso autodeterminação, para não romper o compromisso que você tem com a própria saúde. O que eu diria às pessoas que se sabotam é fazer o compromisso um dia antes: já deixar separada a roupa de treino e o tênis e deixar bem em frente à cama. E mentalizar aquele momento de você levantar.

AS VEZES PASSA NA SUA CABEÇA EM NÃO TREINAR, DEIXAR PRA LÁ E VOLTAR PRA CAMA? E O QUE MUDA SUA DECISÃO PARA NÃO FAZER ISSO?

A única coisa que mantém minha decisão de treinar sob qualquer tempo é a minha vontade de cumprir a meta da semana e estar preparado para as provas.

 

Salvar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *